Datas Reveladas: Saiba quando as novas parcelas do Auxílio Gás serão liberadas

O Auxílio Gás está previsto para o mês de junho e as datas para a liberação já estão disponíveis. Saiba se a sua família pode receber o benefício e como participar do Vale Gás.

Milhares de pessoas que participam do programa Auxílio Gás não receberam a quantia durante o mês de maio, tendo em vista que o pagamento do programa acontece a cada dois meses. Sendo assim, uma nova parcela será disponibilizada pelo governo durante o mês de junho. Com isso, todos os pagamentos do Vale Gás deste ano devem ser feitos apenas nos meses pares. Além disso, é importante ressaltar que os mesmos ocorrem durante as mesmas datas de pagamento do Auxílio Brasil, programa de transferência de renda substituta do Bolsa Família.

Saiba mais sobre os pagamentos do Vale gás 

De acordo com o Ministério da Cidadania, parte responsável pelos programas do tipo, os dois benefícios terão o pagamento escalonado. Sendo assim, os depósitos acontecerão de acordo com último dígito do Número de Identificação Social (NIS) de cada pessoa. Desta maneira o calendário do pagamento do auxílio gás para o mês de junho é este a seguir:

  • NIS de final 1: 17 de junho; 
  • NIS de final 2: 20 de junho; 
  • NIS de final 3: 21 de junho; 
  • NIS de final 4: 22 de junho;
  •  NIS de final 5: 23 de junho;
  •  NIS de final 6: 24 de junho;
  •  NIS de final 7: 27 de junho;
  •  NIS de final 8: 28 de junho;
  •  NIS de final 9: 29 de junho;
  •  NIS de final 0: 30 de junho.

Durante o último mês, então, o valor do Vale Gás foi de R$ 51, ou seja, quantia que corresponde a 50% do preço médio do botijão GLP, conhecido como gás de cozinha.

No mês de abril, cerca de 5,39 milhões de famílias foram beneficiadas pelo programa, formando um total de R$ 275 milhões em investimentos.

O Auxílio Gás obteve a sanção presidencial no penúltimo mês do ano passado e tem como objetivo contribuir com famílias de baixa renda e vulneráveis na compra do produto, que sofreu uma grande alta nos últimos meses devido a vários fatores.

Requisitos para receber o Auxílio Gás

Podem participar do Vale gás do Governo Federal famílias que estão inscritas no Cadastro Único do Governo Federal (CadÚnico), sendo assim, estes devem ter, também, renda familiar per capita mensal de até meio salário mínimo, isto é, R$ 606 atualmente.

Famílias que possuam entre seus membros algum participante do Benefício de Prestação Continuada (BPC), programa que paga um salário mínimo ao cidadão portador de deficiência e ao idoso com mais de 65 anos que não possuem como prover o seu sustento e de sua família.

Além disso, a lei que regulamenta o benefício também estabelece prioridades para incluir novas famílias. Sendo assim, famílias que contam com mulheres vítimas de violência doméstica com medidas protetivas de urgência podem receber antes.

Para a definição do valor da parcela, é necessário analisar as mudanças deste preço e para isso, a Agência Nacional de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) disponibiliza a cada mês em seu site, a quantia média dos últimos seis meses sobre o preço nacional do produto. Diversos parlamentares e especialistas do setor social e econômico criticaram o valor exercido no mês de abril, que foi de R$ 51, correspondendo ao preço apenas no estado do Rio de Janeiro.

Como receber o Vale Gás?

Para participar do programa, o cidadão não precisa realizar nenhum tipo de inscrição, basta apenas estar dentro dos critérios para ser selecionado de forma automática pelo Ministério da Cidadania.

O pagamento das parcelas do Vale Gás acontece junto com as parcelas do Auxílio Brasil, sendo assim, os cartões e senhas para sacar os valores, servem para ambos os benefícios.

O saque pode ser feito nas casas lotéricas, nos correspondentes Caixa Aqui, nas agências físicas da Caixa Econômica Federal e também por meio do uso de aplicativos como o Caixa Tem. Vale frisar que a parcela do auxílio gás é válida por até 120 dias.

Escreva um Comentário