Concurso do Ministério da Agricultura abre 360 vagas para candidatos de nível médio e superior com salários de R$ 8.300

O Ministério da Agricultura acaba de anunciar a abertura de centenas de vagas em seu concurso para profissionais do setor de tecnologia da informação que contará com salários de até R$ 8.300 por mês.

O Ministério da Agricultura está com 360 vagas abertas, incluindo formação de cadastro reserva para cargos voltados para profissionais de nível superior. Todas as vagas são voltadas para o setor de tecnologia da informação e os salários oferecidos para todos os cargos são de R$ 8.300 para uma jornada de trabalho de 40 horas por semana. De acordo com o edital do concurso cerca de 20% das oportunidades são voltadas a cota para de negros e para concorrer a elas é necessário fazer autodeclaração no ato da inscrição e comparecer ao procedimento de heteroidentificação. Também há 5% de reserva para pessoas com deficiência que deverão enviar um laudo médico e comparecer à perícia.

Quais cargos estão sendo disponibilizados no concurso do Ministério da Agricultura?

Ao total são 13 cargos e a lotação de todos está situada em Brasília. Entre os requisitos estão: ensino superior completo no setor desejado ou, também, pós-graduação, além disso, é necessário possuir cinco anos de experiência no cargo.

Já em relação à distribuição de vagas, do total, 44 são voltadas para ampla concorrência e 300 para cadastro reserva. Separamos abaixo a lista dos cargos disponibilizados no concurso e seu respectivo número de vagas:

Analista de dados

  • Ampla concorrência: 6 vagas
  • Cadastro reserva: 45 vagas

Especialista de Governança de dados

  • Ampla concorrência: 2 vagas
  • Cadastro reserva: 10 vagas

Analista em business intelligence

  • Ampla concorrência: 3 vagas
  • Cadastro reserva: 25 vagas

Cientista de dados

  • Ampla concorrência: 2 vagas
  • Cadastro reserva: 10 vagas

Especialista em Big Data

  • Ampla concorrência: 2 vagas
  • Cadastro reserva: 10 vags

Engenheiro de inteligência artificial

  • Ampla concorrência: 2 vagas
  • Cadastro reserva: 10 vagas

Especialista em devops

  • Ampla concorrência: 2 vagas
  • Cadastro reserva: 10 vagas

Arquiteto de soluções

  • Ampla concorrência: 2 vagas
  • Cadastro reserva: 15 vagas

Analista em interoperabilidade

  • Ampla concorrência: 6 vagas
  • Cadastro reserva: 45 vagas

Analista de processo

  • Ampla concorrência: 1 vagas
  • Cadastro reserva: 5 vagas

Analista de infraestrutura de TIC

  • Ampla concorrência: 4 vagas
  • Cadastro reserva: 30 vagas

Analista de segurança da informação

  • Ampla concorrência: 2 vagas
  • Cadastro reserva: 15 vagas

Analista de negócios (gerente de projetos de soluções de TIC)

  • Ampla concorrência: 10 vagas
  • Cadastro reserva: 70 vagas

Saiba como realizar a sua inscrição no concurso do Ministério da Agricultura

Aqueles que tiverem interesse podem acessar o site do Instituto de Desenvolvimento Institucional Brasileiro que receberá as inscrições do concurso do Ministério da Agricultura até o dia 2 de maio às 23h59.

A taxa a se pagar é de R$ 44 e o prazo para o pagamento é até o dia seguinte do término das inscrições. Aqueles que forem membros de baixa renda, doadores de medula óssea ou inscritos no CADúnico podem pedir isenção da taxa. O prazo para solicitar a isenção é até o dia 5 e 6 de Abril.

A organizadora do processo seletivo afirma que só receberá o benefício aqueles que enviarem toda a documentação exigida para que seja comprovada a condição afirmada pelo candidato.

CLIQUE AQUI PARA SE INSCREVER

Como funcionará o processo seletivo do concurso?

O processo seletivo contará com uma prova de caráter eliminatório e classificatório que será aplicada no dia 5 de junho em Brasília. A prova é composta por 60 questões sendo elas 15 de língua portuguesa, 10 de raciocínio lógico, 5 de inglês e 30 de conhecimentos específicos. Aqueles que passarem por esta etapa serão convocados para a prova de títulos.

Essa etapa consiste na apreciação do comprovante de conclusão de pós-graduação, doutorado, mestrado e de experiência profissional na administração pública e no setor desejado, valendo 10 pontos.

O resultado final é a soma da prova objetiva com a prova de títulos e em caso de empate os critérios são a idade igual ou superior a 60 anos, maior pontuação e conhecimentos específicos, língua portuguesa, prova de títulos, maior idade e o exercício do cargo de jurado.

Escreva um Comentário