Novo crédito para negativados Caixa Tem: Veja como realizar o procedimento e retirar o dinheiro

Já está sendo disponibilizado o crédito para negativados Caixa Tem. Pessoas físicas e MEIs podem retirar o empréstimo por meio do aplicativo ou através de agências da Caixa Econômica Federal.

A Caixa Econômica Federal está disponibilizando, por meio do aplicativo Caixa Tem, uma linha de crédito que não consulta os órgãos de proteção, como Serasa e SPC, para que os valores sejam liberados, ou seja, é um crédito para negativados. Desde o dia 28 do último mês, pessoas físicas que desejam empreender e Microempreendedores Individuais (MEIs) podem solicitar o crédito para negativados Caixa Tem. A oferta está inclusa no Programa de Simplificação do Microcrédito Digital para Empreendedores (SIM Digital).

Quais os valores disponíveis do crédito para negativados no APP Caixa Tem?

As pessoas físicas, podem solicitar o crédito através do aplicativo Caixa Tem e as condições são de juros a partir de 1,95% por mês, com um crédito de até R$ 1 mil e parcelamento em até 24 meses.

Já para os MEIs, a solicitação deve ser feita por meio de uma das agências da Caixa Econômica, tendo como condições, juros um pouco maiores, que devem ser a partir de 1,99% ao mês, crédito de até R$ 3 mil e parcelamento de até 24 vezes também.

Solicitando o crédito para negativados CAIXA TEM

Para solicitar o crédito para negativados por meio do Caixa Tem, será necessário atualizar o aplicativo, lembrando que o requerimento só está disponível para as pessoas físicas, até então.

Primeiro, vá na loja de aplicativos do seu smartphone (Play Store ou Apple Store) e baixe a última versão do Caixa Tem, abra o aplicativo e preencha dados presentes em seu RG, CNH ou identificação com foto, faça o login usando o número do seu CPF e senha.

Na tela inicial, selecione a opção “atualize seu cadastro”. Para confirmar, clique em continuar. É necessário certificar se seu endereço está atualizado e correto.

Estando tudo certo, confirme clicando em “Sim”. Caso os dados não estejam corretos, edite com os dados atualizados. Na sequência, informe o local de nascimento e outras perguntas.

Como solicitar o crédito para negativados?

As pessoas físicas que desejam solicitar o empréstimo devem acessar o aplicativo Caixa Tem e selecionar a opção “Contratar Crédito Caixa TEM”.

Será necessário responder um quiz e logo depois escolher o valor do crédito, escolher a melhor data de pagamento das parcelas, a quantidade de parcelas, a senha do Caixa Tem e pronto. Aqueles que solicitarem devem aguardar alguns dias para avaliação da Caixa Econômica Federal.

Já os MEIs, devem realizar seus pedidos nas agências da Caixa para contratar o crédito, o cidadão deve possuir uma conta na Caixa, ter mais de 1 ano de faturamento como MEI, apresentar comprovante de residência, documentos pessoais e de sua empresa.

É importante ressaltar que para os Microempreendedores Individuais, poderão participar do programa apenas aqueles que possuem receita bruta de até R$ 360 mil por ano.

Informações adicionais sobre o Caixa Tem

Com o intuito de facilitar o acesso dos brasileiros à transações bancárias e serviços sociais, principalmente durante a chegada da pandemia, a Caixa Econômica Federal criou o app Caixa Tem, disponível para Android e iOS.

No app Caixa Tem é possível obter informações sobre o FGTS, PIS/Pasep, seguro-desemprego, auxílio emergencial, entre outros benefícios do governo.

O aplicativo permite a realização de transferências, compras, pagamento de boletos no cartão de débito virtual e até em estabelecimentos físicos, sem a necessidade do cartão em mãos, além de solicitar o saque físico.

É importante frisar que golpistas podem tentar se aproveitar da situação atual para enganar a população que busca por ajuda financeira neste período pós pandemia, sendo assim é importante sempre ficar atento aos canais oficiais para baixar o app e procurar por informações.

A Caixa e o Governo Federal disponibilizaram, em abril de 2020, o aplicativo do auxílio emergencial e o site oficial, entretanto, diversos links falsos estavam sendo enviados através do WhatsApp e outras redes sociais e vários aplicativos fraudulentos foram divulgados e baixados nos celulares.

Escreva um Comentário