Cursos Técnicos que Mais Empregam – Conheça os Top 5

A taxa de desemprego do país caiu no último trimestre de 2021 para 13% em relação à porcentagem mais alta do ano, que chegou a quase 15%, segundo as pesquisas oficiais publicadas pelo Instituto Brasileiro de Geografia (IBGE).

No entanto, apesar deste recuo, o número de desempregos ainda é alto, afinal, são quase 14 milhões de brasileiros procurando uma vaga no mercado de trabalho

Em contrapartida, temos um dado interessante do Mapa do Trabalho Industrial, que afirma que o Brasil precisará qualificar 10 milhões de trabalhadores para as demandas de formação técnica até 2023. 

Ou seja, essa é uma ótima notícia para quem deseja retomar ou iniciar a carreira em 2022, mas ainda não sabe que caminho escolher.

Pensando nisso, este artigo pode te ajudar a decidir seu futuro sem medo!  Aqui reunimos uma lista com os 5 cursos técnicos cursos técnicos que mais empregam em 2022 e nos próximos anos. Confira!

Técnico em Eletrotécnica – o número 1 dos cursos que mais empregam

Cursos Tecnicos que Mais Empregam

Fonte: Reprodução Canvas

O Técnico em Eletroeletrônica atua na instalação, na manutenção e no desenvolvimento de sistemas de eletroeletrônicos. Ou seja, este profissional é capacitado para projetar, instalar, manter e operar sistemas elétricos e vários equipamentos.

Um dos motivos deste curso ser um dos cursos técnicos que mais empregam é o avanço tecnológico desses últimos anos que fez com que a internet se expandisse, sendo atualmente muito usada em nossa sociedade.

No entanto, para que ela funcione, e não só ela como vários aparelhos de uso diário, necessita de energia, ou seja, de eletricidade. É aí que entram os Técnicos em Eletrotécnicas, que atuam diretamente na expansão do setor de energia, onde já apresenta um aumento nas demandas desse profissional nas regiões norte, nordeste e centro-oeste.

Deste modo, o salário inicial gira em torno de 2 mil, enquanto o salário médio deste profissional é de 5 mil. O curso apresenta uma carga horária de 1280 horas, ou seja, uma duração média de dois anos.

No Brasil, este curso é de formação médio, assim, para começar é necessário ter concluído o ensino médio. Muitas instituições de educação oferecem este curso, por exemplo, o Senai e a Politécnica. Já a mensalidade varia conforme a instituição, entre 80 a 200 reais. 

Técnico em Informática para Internet

Assim como o primeiro curso, a informática acompanhou o avanço tecnológico e hoje em dia, quase todos os cargos exigem um conhecimento na área. Além disso, muitas empresas, organizações e negócios no geral necessitam do sistema para funcionar.

Deste modo, o Técnico em Informática realiza as configurações necessárias de sistema em informática, desde a instalação de equipamentos até o desenvolvimento completo de redes. 

Por este motivo, este profissional possui um amplo mercado para atuar ou até mesmo trabalhar por conta própria, como autônomo. Afinal, o Técnico em Informática pode atuar praticamente em todos os setores da economia, sendo um dos  cursos técnicos que mais empregam nos últimos anos.

Nesse sentido, o curso possui uma carga horária aproximada de 1000 horas, durando em torno de 2 anos. Após a conclusão, o salário inicial encontra-se em torno de 2 mil, enquanto o salário médio da profissão é de 3.500 reais.

Além disso, a área do TI cresceu tanto que acabou sendo ramificada em diversos setores. Desta maneira, o profissional da área pode decidir por qual segmento se interessa mais para trabalhar. Então, confira alguns dos segmentos que este profissional pode atuar:

  • Computação em Nuvem;
  • Big Data;
  • Mobilidade;
  • Internet das coisas;
  • Segurança da Informação.

Técnico Desenvolvedor Mobile

Neste curso, o profissional irá codificar aplicativos mobile e desenvolver soluções para plataformas através de frameworks ou padrões web e, deste modo, possibilita a integração dos dados e garante acessibilidade e usabilidade.

Afinal, a evolução digital já é nossa realidade e ela está em crescimento constante, justificando a demanda por este tipo de profissional que atuará nas áreas de telecomunicações em empresas e em todos os tipos de organizações.

Além disso, as áreas tecnológicas estão recebendo muitos investimentos com a chegada da internet 5g. Deste modo, o salário deste profissional pode chegar até 5 mil reais. Entretanto, o salário inicial gira em torno de 2 mil reais.

Assim, o curso já está sendo oferecido em várias instituições, com duração média de 2 anos e mensalidades em torno de 150 reais. Veja algumas das funções que este profissional aprenderá: 

  • Criar aplicativos para qualquer dispositivo móvel;
  • Trabalhar com manutenção e inovação de produtos;
  • Gerenciar projetos e liderar equipes;
  • Controlar bancos de dados;
  • Trabalhar com back-end e front-end de aplicativo;
  • Entre outras.

Técnico em Estética

O mercado da beleza é dos que mais cresce no mundo todo por isso o curso de Técnico em Estética é um dos  cursos técnicos que mais empregam em 2022 e nos próximos anos.

Afinal, o Brasil ocupa o 3º lugar no ranking mundial, perdendo apenas para China e Estados Unidos, segundo pesquisa realizada pela Associação Brasileira da Indústria de Higiene Pessoal, Perfumaria e Cosméticos (ABIHPEC).

Isso porque este mercado não é sazonal, ou seja, independente da época do ano, as pessoas e principalmente os brasileiros estão cada vez mais preocupados com os cuidados de sua aparência e manter a autoestima.

Desta forma, os Técnicos em Estética estão sempre em alta, afinal esta área também possui muitas ramificações, possibilitando um amplo mercado de atuação, visto que pode escolher uma especialidade: pele, cabelo, unha, entre outras ou até mesmo pets. 

Assim, o mercado da estética é gigante e esses profissionais podem atuar em vários ambientes, tais como clínicas, salões de beleza, academia, resorts, hotéis, spas ou até mesmo como autônomo

Entretanto, a área ainda precisa de profissionais qualificados, ou seja, que realmente possuam o certificado do curso. Assim sendo, muitas instituições já oferecem o curso, com duração média de um ano e meio, e mensalidades que custam em torno de 170 reais.

Técnico em Marketing

Por fim, outro curso do mundo digital. Como mencionado, o avanço tecnológico dos últimos anos marcou nossa sociedade e isso fez com que várias carreiras deste segmento fossem surgindo e sendo mais procuradas. E o Técnico em Marketing é um exemplo disso.

Atualmente, a busca por este profissional é grande, gerando várias oportunidades de emprego para quem desenvolve projetos digitais e estratégias de vendas, assim como atua também na área do relacionamento com o cliente.

Afinal, o comportamento do cliente mudou e as empresas precisam se adequar às novas exigências do consumidor. Desta forma, precisam ter um profissional que saiba aplicar seus conhecimentos para fortalecer marcas, empresas e negócios.

Assim sendo, existem muitas oportunidades para o Técnico em Marketing, desde instituições privadas como todo o comércio e empresas de marketing, telemarketing e publicidade. A faixa salarial desse profissional varia entre 2 a 5 mil reais.

Portanto, por ser uma das áreas com maior crescimento nos últimos anos, muitas instituições passaram a oferecer este curso, que possui em média 960 horas de carga horária, durando em torno de um ano e meio. Já a mensalidade custa em torno de 100 reais.

Onde fazer meu curso?

Como você viu, os cursos técnicos que mais empregam são de áreas que apresentam um grande crescimento devido à demanda desses profissionais no mercado. Deste modo, muitas são as instituições educacionais que passaram a ofertar esses cursos.

No entanto, ressaltamos ter cuidado ao escolher onde fazer seu curso, visto que nem todas as instituições são confiáveis. 

Assim, antes de se matricular, confira a procedência da escola. Ou seja, verifique desde quando ela existe, quem são os professores, quais os assuntos abordados no curso, assim como a modalidade de ensino.

Afinal, muitos desses cursos podem ser feitos à distância, mas dê preferência às instituições já reconhecidas no mercado, tais como:

  • Instituto Federal de Educação Profissional e Tecnológica (todos os estados);
  • ETEC (São Paulo);
  • Colégio Cotuca e Cotil da Unicamp;
  • Escolas do Sistema S: Senac, Senai, Sest, Sebrae, entre outras (todos os estados);
  • Entre outras.

Portanto, antes de se matricular, uma dica é verificar no site do MEC se a instituição é credenciada, sendo assim, apresenta um certificado reconhecido pelo curso oferecido.

Conclusão: Cursos técnicos que mais empregam em 2022

Como você viu, os cursos da área tecnológica que envolvem o mundo digital são boas escolhas para os próximos anos, visto que a sociedade atual passa por uma revolução nesse setor, sendo assim os cursos técnicos que mais empregam.

No entanto, outras áreas também apresentam grande empregabilidade, como, por exemplo, logística, segurança do trabalho, meio ambiente e gestão. Assim, escolha a qual você mais se identifica e tem vontade de trabalhar.

Deste modo, certamente encontrará uma oportunidade para exercer seus conhecimentos.  

Agora, deixe em nossos comentários, qual foi sua escolha!  E para ver outros temas como este, relacionados à carreira profissional e ao mercado de trabalho, confira nosso site Classificados de Emprego

Escreva um Comentário